We have updated our Privacy and Cookie Notice to keep you informed where we may process your personal data. See more here or contact us for more information.

Tornando-se japonês

Como esta nação do Leste Asiático está mudando a profissão de bartender.

A criadora do Jinzu ™ Gin, Dee Davies, nos conta como o Japão está moldando o futuro do bartending.

Tudo mudou em fevereiro de 2013.

Eu me deparei com a competição ‘Show Your Spirit’ para encontrar a próxima grande marca de destilado e, por um tempo, todas as ideias decentes me escaparam até que um dia tudo ficou claro.

A resposta estava bem na minha frente o tempo todo ... e eu mal sabia.

Tudo que eu precisava fazer era me inspirar na cultura que capturou meu coração e incutiu minha paixão por todos esses anos pela profissão de bartender.

Aqui está minha história - deixe-a inspirar você a viver seu próprio sonho...

Inspiração Japonesa

O Japão é um lindo país com uma arquitetura deslumbrante, pessoas incríveis e, ainda por cima, oferece um pouco da melhor gastronomia do mundo.

Essas características maravilhosas moldaram tudo o que o Japão representa.

Com essa base forte, como sua cena de bar poderia ser qualquer coisa, menos excepcional?

Com equipamentos de bar incomparáveis, técnicas elegantes e ingredientes interessantes, as influências desta nação do Leste Asiático aprimoraram nosso comércio exponencialmente.

De volta ao básico

Quando comecei a trabalhar como bartender, o equipamento de bar nos locais em que trabalhei era básico. 90% das vezes, estava estampado com o logotipo da empresa de bebidas que os presenteava para mim e meu kit de ferramentas quase sempre consistia em uma colher robusta com um disco bagunçado em uma das pontas, um dosador cilíndrico barato e uma coqueteleira Boston feita de lata.

Isso foi há 7 anos.

Agora você encontra com facilitade coqueteleiras Koriko japonesas e dosadores triangulares de duas pontas e eu sei que sou um pouco tendencioso (já que adoro tudo que é japonês), mas que bela mudança isso fez para a indústria!

Quantos gerentes de bar suspiraram de alívio ao perceber que não haverá mais mixing glasses quebrados na cuba de gelo durante o serviço corrido em uma noite de sábado? Ou para vocês bartenders, que sorriram sabendo que não precisam mais machucar o interior de seus dedos com uma colher de bar muito afiada? Eu sei que senti esse alívio...

Estilo Japonês

Para mim, serviço de bar com equipamento japonês é um pouco como me vestir adequadamente para uma festa - gravata borboleta para os caras, salto alto para as garotas. Ele tende a inspirar o respeito que você deseja obter de seus colegas e clientes, e você acaba ganhando um pouco mais de estilo e sofisticação.

Com a nova era dos equipamentos japoneses, surgiram novas técnicas (ou o surgimento das tradicionais que se espalharam rapidamente por nossa indústria) e, desde então, mais atenção foi dada a cada aspecto do bartending, levando a melhores resultados. Os bartenders de todo o mundo agora estão prestando mais atenção em como trabalham, ultrapassando os limites para aprender novas habilidades, para se desenvolverem e melhorar seu nível na profissão.

Os consumidores raramente notaram essas mudanças em seu início. Porém, depois de um tempo, eles notaram a mudança na qualidade de suas bebidas. Os comentários não eram mais sobre os "icebergs" em seus copos, mas sobre como sua bebida estava mais fria e como eles estavam satisfeitos por não se diluir mais a bebida enquanto apreciavam seu coquetel.

Os bartenders japoneses realmente sabem disso - clientes felizes tornam os bartenders felizes. No entanto, uma mistura de técnicas de bartending "Oriente e Ocidente" poderia realmente criar a parceria perfeita.

Mostre seu destilado

Não apenas sou um fã do estilo japonês e das técnicas de bar, mas também sou apegado às ricas tradições e herança desta nação.

Então, quando se tratou da competição ‘Show Your Spirit’ da Diageo e do Jinzu ™ Gin que criei lá, só poderia ser inspirado por todas essas características que adoro no Japão.

Embora o país esteja avançando, ele conscientemente mantém laços com seu passado - um tema que permeia o meu Jinzu Gin. E embora o Japão tenha sido minha principal inspiração, não pude esquecer minhas raízes britânicas, então o produto final une os dois - é um clássico britânico (gin), com um toque japonês.

Experimente e veja

Agora que você sabe de onde veio minha inspiração para fazer Jinzu Gin, você pode explorar o sabor com esses coquetéis fáceis de fazer - por que não trazer algo novo para a mesa do seu bar esta noite?

Jinzu River

Método

  1. Batido e servido no decanter Jinzu,
  2. Complete com cidra,

Guarnição: servido com copos Baransu cheios de gelo e guarnecidos com framboesas.

(1,2 bebidas padrão * - 1,5 unidades por porção)

Asian 800

Método

  1. Batido e coado duplamente em uma taça de champanhe
  2. Complete com espumante

Guarnição: cereja

(1,1 bebidas padrão * - 1,5 unidades por porção)

No Touching

Método

  1. Mexido sobre o gelo e servido em uma taça de coquetel.

Guarnição: raspas de limão

(1,9 bebidas padrão * - 2,2 unidades por porção)

(* Uma bebida padrão contém 8g de álcool)

Para manter um registro do paradeiro de Dee e o desenvolvimento de suas "Reuniões Leste-Oeste", siga-a: @DeeADavies.

Para mais informações sobre Jinzu Gin, leia nossa seção de Últimos Lançamentos ou consulte a página da marca em Categorias de Bebidas.