Atualizamos nossos Termos de Uso. Para mantê-lo informado sobre onde processamos seus dados. Veja mais aqui ou entre em contato conosco para mais informações.

« voltar para Sugestões Sazonais

Por trás da bebida: um gin para preencher os sentidos

Imagina aí: você criou um gin quase 190 anos atrás e esse ano ele ganhou, mais uma vez, como o gim favorito dos bartenders pelo mundo (com certeza você ficaria bem feliz, né?). Essa é a história real de Charles Tanqueray, mas quem era ele e como ele criou esse gin inconfundível?

É melhor sentar, vamos explorar a incrível história do gin e do Tanqueray e de quebra oferecemos uma inspiração pra você provar.

ONDE NASCEU O GIN

Vamos dar uma breve olhada na história do gin e como se tornou o destilado popular que conhecemos e amamos hoje...

A origem do Gin começa com um destilado holandês conhecido como Genever, que foi muito popular nos anos 1600. Genever chegou às costas inglesas depois da guerra holandesa de independência da Espanha, onde soldados ingleses provaram esse destilado ao lutar ao lado de seus colegas holandeses.

Com a proibição da importação das bebidas alcoólicas, juntamente com a desregulamentação da produção de destilados, a popularidade do gin explodiu e, em 1720, 90% do gin estava sendo destilado em Londres. Nessa época, esse gin ainda era diferente do que conhecemos hoje e era forte e muitas vezes adoçado com açúcar para esconder suas imperfeições.

Em meados de 1700, os produtores e comerciantes tinham que ser licenciados para fazer e vender gin, e com uma grande variedade de especiarias, frutas e chás chegando a Londres nesse momento, os destiladores começaram a experimentar diferentes sabores e refinar sua produção.

À medida que a qualidade melhorava, estava rolando uma grande mudança no mundo do gin, com a invenção do Coffey ainda em 1832. Esse inovador destilador ainda permitia que os produtores criassem um destilado retificado muito mais limpo, o que resultou na criação do London Dry, o gin como conhecemos hoje.

O CRIADOR

Charles Tanqueray nasceu em 1810 na Inglaterra e seu maior objetivo era elaborar o melhor gin do mundo. Na década de 1830, montou a Vine Street Distillery, em Londres com a intenção de criar o melhor gin London Dry.

Charles experimentou muitos ingredientes, testando os melhores botânicos de todo o mundo e depois de 300 receitas, descobriu uma receita perfeitamente equilibrada que combinava um sabor rico e completo com um sabor inconfundível e aí nasceu o gin Tanqueray London Dry.

A combinação complexa de Charles dos melhores botânicos e especiarias foi super aprovado e o sucesso chegou de forma instantânea, e em 1847 o gin Tanqueray estava sendo exportado para as colônias do Caribe e diversos lugares.

A GRANDE JOGADA POR TRÁS DA PRODUÇÃO DE TANQUERAY

Hoje, o gin Tanqueray é produzido na famosa Destilaria Cameronbridge, nas margens do rio Leven em Fife, na Escócia.

A equipe da Cameronbridge, liderada pelo Master Distiller, Terry Fraser, continua o legado de Charles Tanqueray, garantindo que o sabor inconfundível e a qualidade de Tanqueray se destaquem contra todos os outros.

Tanqueray London Dry

Até hoje, Terry e sua equipe ainda usam os quatro botânicos icônicos: zimbro, coentro, angélica e alcaçuz da receita original de Charles Tanqueray de 1830, para criar o perfeitamente equilibrado Tanqueray London Dry.

A equipe ainda é impulsionada pela atenção inabalável de Charles aos detalhes, com apenas 1 em 10 botânicos recebidos na destilaria, tendo a superioridade e as características para entrar em Tanqueray.

Na destilaria existem 3 grandes alambiques de cobre usados para fazer Tanqueray London Dry. Um deles, vem da época do reinado de King George III e está em uso contínuo há 250 anos. É o famoso Old Tom.

Tanqueray No. TEN

Também é fabricado em Cameronbridge e é considerado o primeiro gin super-premium, Tanqueray No. Ten.

A equipe de destilarias de Tanqueray precisou de dois anos de experimentos e determinação para criar esse gin requintado, feito com um pequeno alambique ainda dos anos 50 conhecido como "Tiny Ten".

Laranja fresca, limão e grapefruit são destilados juntos para criar o chamado “coração cítrico” de Tanqueray No. Ten, oferecendo uma explosão cítrica suave requintada em suas criações de coquetel.

PRINCIPAIS INFORMAÇÕES


Quer ter acesso a conteúdo exclusivo, além de novidades do mercado, ferramentas e treinamentos? Inscreva-se na Diageo Bar Academy e tenha acesso ilimitado a tudo isso.