We have updated our Privacy and Cookie Notice to keep you informed where we may process your personal data. See more here or contact us for more information.

« back to Digitalização

Cinco dicas para experiências com coquetéis multissensoriais

Sabor, Cheiro, Toque, Som e Visão são as chaves para criar uma experiência de coquetel, mas também a iluminação, o som, a temperatura, a textura e o formato do copo escolhido. Terry Cashman da Nine Lives tem algumas dicas e truques para criar serviços que elevam todos os sentidos, o que impressionará seus convidados.


UM COQUETEL PARA TODOS OS SENTIDOS

Quando falamos de coquetéis, tendemos a nos concentrar no gosto e no sabor, mas há muito mais acontecendo nos bastidores do nosso cérebro. Você não aprecia apenas uma bebida porque ela tem um sabor agradável, você a aprecia por uma infinidade de entradas sensoriais como a temperatura, a cor e o toque do copo, a temperatura do líquido ou a efervescência muito silenciosa de uma bebida carbonatada.

Mesmo que você não tente envolver todos os sentidos, é vital que você tenha pelo menos pensado em todas as maneiras pelas quais seus convidados podem interagir com seus serviços. Pense em maneiras de brincar com estas aberturas sensoriais com estas dicas abaixo, e uma nova dimensão na criação de coquetéis se abrirá para você.


DICAS RÁPIDAS PARA O SABOR E O PALADAR

Em primeiro lugar, é evidente que o gosto e o sabor não devem ser ignorados quando se trata de criar um coquetel de primeira classe; é sempre o sentido central quando se trata de bebidas.

É preciso lembrar que construir coquetéis é muitas vezes como uma máquina interconectada de diferentes engrenagens e peças. Nenhuma delas funciona sozinha, todas são trocadas e afetadas pelas outras peças em maior ou menor grau.

Os ácidos aumentam a salinidade, por exemplo, enquanto o amargor é suprimido por este. Se algo tem um sabor muito doce, salgado, amargo ou o que quer que seja, a resposta não é sempre reduzir o ingrediente real que causa o desequilíbrio, mas talvez aumentar outro que pode não aparecer à primeira vista para ser conectado.

Outro exemplo é se estamos optando por uma sensação bucal sedosa e texturizada em uma bebida curta e batida, então o mel pode ser uma melhor escolha de adoçante do que um simples xarope de açúcar. Equilibrar isto desde o início será mais fácil, mais rápido e permitirá que você permaneça mais fiel à sua visão original.

Concentre-se em um sabor singular que você gostaria de realçar e então continue a construir sua textura, temperatura e outros elementos a partir daí.

Você pode ter ido muito longe com a degustação de seu coquetel, e talvez tenha se desviado dos trilhos, o que é difícil de notar sempre quando se está no meio de sua criação.

Da mesma forma, uma reunião semanal de degustação e desenvolvimento pode focar a todos, estimular a criatividade e proporcionar debates abertos para idéias entre todos.

Lembre-se: Seu paladar é muito particular para você, e embora o equilíbrio seja bastante universal, a experiência subjetiva não é. Os sabores são aprendidos, não como a detecção inata do paladar, então um par de olhos (ou lábios) frescos em suas bebidas pode abrir caminhos de combinação de sabores que você nunca descobriria por si mesmo.


ODOR ESTIMULANTE

A estimulação de todos os sentidos é uma parte muito importante da criação de bebidas. Criar uma experiência sensorial é uma ótima maneira de envolver seus convidados em seu bar, e não apenas ter as bebidas em um simples recipiente para transportar álcool.

Talvez possamos levar algum tempo para pensar também nos cheiros e aromas que estão no bar enquanto a bebida está sendo servida.

A defumação é uma ferramenta notoriamente difícil de acertar, mas que tal usá-la de forma mais sutil e facilmente controlada, defumando seus objetos de vidro antes do serviço, ou ainda melhor, defumando um ingrediente para ser usado em sua lista de coquetéis? Esta é uma ótima maneira de envolver o olfato de seus convidados, e evocar lembranças de fogueiras ou até de acampamentos.


EXPERIÊNCIAS ELEVADAS COM GLASSWARE

Ao pensar em elevar o tato, uma coisa a ser considerada é a textura e o toque do seu copo. É completamente liso como a maioria dos vidros, ou um pouco de textura pode dar ao hóspede uma experiência tátil mais agradável? Além disso, a altura ou largura de seu copo será propícia ao sabor e à experiência.

Por exemplo, se uma bebida precisa de calor e profundidade, então um vidro com pedras é o ideal, pois o toque de seu cliente e a borda do vidro permitirá uma experiência de sabor mais profunda e quente.

Para um coquetel de degustação mais delicado, um copo de martini ou coupé com haste longa terá uma área de superfície maior e haste longa para manter sua bebida fresca para seu cliente.

Por outro lado, o copo de Highhball funciona bem para desfrutar de bebidas mais longas que combinam bebidas alcoólicas com misturadores.

Há tantas escolhas com copos, então brinque com diferentes tipos e veja o que funciona melhor para seu serviço para melhorar o toque e a experiência geral.


EXPLORE A SONORIDADE DO SEU BAR

Então, agora que temos o gosto, o tato e o olfato alinhados, como podemos afetar a visão e o som? Algumas coisas a considerar:

Por falar em layout, assegure-se de que isso esteja de acordo com a atmosfera que você está querendo criar para os convidados. Por exemplo, se alguma área for muito escassa, pode parecer pouco convidativa para seus convidados saborearem e desfrutarem de seus coquetéis.


LEMBRE-SE... A VISÃO É MAIS DO QUE O COQUETEL QUE VOCÊ VÊ

Bem, há muitas maneiras de fazer um coquetel parecer bonito, e “a primeira dentada é com os olhos”, como diz o velho ditado, mas talvez devêssemos pensar mais sobre as luzes ao redor. Elas estão suficientemente baixas? Elas são todas de brilho semelhante? Não há nada pior em um ambiente de bar do que uma luz desajustada que esteja muito clara e em seu campo de visão. Pense em como isso pode afetar seu convidado - desde o momento em que ele entrar até quando sair.

Além disso, a iluminação, a música, os aromas e uma centena de outras entradas sensoriais podem mudar a maneira como experimentamos os coquetéis. Experimente suas bebidas em diferentes ambientes de iluminação e tome notas.


PONTOS CHAVE