Um copo de coquetel Mojito numa mesa de madeira

Blogs e inspiração

Domine o Mojito

Aprenda dicas de especialistas sobre como preparar a versão definitiva do amado coquetel Mojito.

Autor:Paulo Figueiredo

Tempo estimado de leitura: 4 minutos

Domine o Mojito

A beleza deste coquetel icônico é que pode ir a qualquer lugar do mundo, pedir um Mojito e terá um. Cada bartender tem sua própria opinião sobre o Mojito, mas aqui estão algumas dicas para criar a versão perfeita deste coquetel sempre popular

A História do Mojito

A origem exata do Mojito está sujeita a debates, mas muitos concordam que Cuba é o berço deste coquetel clássico.

Uma história traça o Mojito a uma bebida semelhante do século XVI conhecida como "El Drake/Draque", em homenagem a Francis Drake. Em 1586, os navios de Drake navegaram em direção a Havana e foi criada uma bebida para os homens a bordo que misturava aguardente de cana (uma bebida alcoólica destilada feita de cana-de-açúcar, semelhante ao sabor do rum) com ingredientes tropicais locais, limão, caldo de cana e hortelã.  

A combinação de hortelã, açúcar, limão e rum acabou pegando os trabalhadores rurais de Cuba e dos campos e varreu os bares de Havana, onde os americanos que visitavam a ilha durante a proibição tentaram pela primeira vez. 

INDO PARA OS EUA

As receitas do Mojito apareceram nos primeiros livros de coquetéis americanos, como The Gentleman 's Companion, de Charles H. Baker Jr., de 1939, e no livro de 1941 - Here' s How, Mixed Drinks. Apesar da popularidade inicial do Mojito, na década de 1960 ele quase desapareceu nos EUA, embora permanecesse comum em Cuba. No entanto, à medida que as tendências vão e vêm, o Mojito retornou lentamente a Miami e ao resto do país na década de 1990, principalmente devido à tendência de restaurantes Nuevo Latino.

O BOOM DO MOJITO

De acordo com alguns, o "boom" do Mojito começou quando a bebida apareceu no filme de 2002 de James Bond, Die Another Day. Numa cena passada num bar de praia em Havana, Halle Barry sai da água com o seu fato de banho laranja e caminha em direção a Pierce Brosnan, que está a beber um Mojito. Ele entrega o copo para ela e diz: "Mojito? Você deveria provar!" 

6 DICAS PARA CRIAR O MOJITO PERFEITO

O Mojito ainda é um dos coquetéis mais populares e aqui estão 6 dicas para criar a versão perfeita:

DICA 1

Pense no açúcar. Baseie o açúcar no tipo de rum que você usa. Diferentes açúcares ajudam o rum a se expressar de maneiras diferentes. A abordagem mais fácil é o açúcar mascavo para o rum envelhecido e o açúcar refinado para o rum branco. 

DICA 2

A hortelã deve estar fresca. Além disso, o tipo de hortelã pode variar muito dependendo de onde você está no mundo. "Hierba Buena" (um termo usado em algumas regiões de língua espanhola para se referir à hortelã) é a opção mais segura para a hortelã, mas se você se sentir aventureiro, brinque com alguns outros tipos. 

DICA 3

O limão também tem que ser fresco. Certifique-se de que o limão não esteja muito azedo. Achei difícil trabalhar com alguns tipos de limões na Ásia devido ao seu nível de acidez. O nível de acidez pode dificultar o equilíbrio dos sabores. 

DICA 4

Pense no rum que usa. Prefiro rum envelhecido; no entanto, provei algumas ótimas receitas com rum branco. Normalmente, os rum envelhecidos adicionam alguma complexidade ao coquetel, mas se procura um Mojito simples e refrescante, o rum branco é a melhor opção. 

DICA 5

Pode usar refrigerante ou água com gás. Minha preferência é a água com gás, pois acho que os minerais que ocorrem naturalmente dão ao coquetel um sabor sutil, ao contrário da água com gás.  

DICA 6

Não complique demais. 

PONTOS CHAVE

  • A maioria dos clientes fica satisfeita quando o Mojito é feito sem nada muito complicado.
  • A maioria das pessoas concorda que Cuba é o berço desse coquetel clássico.
  • Para fazer o Mojito perfeito, escolha o açúcar que combine com o rum (por exemplo, açúcar mascavo com rum envelhecido), use a hortelã e o limão mais frescos, considere o rum ideal de acordo com sua preferência e use água com gás ou água com gás.
  • Muitos acreditam que a receita original está ligada a Sir Francis Drake.
  • O "boom" do Mojito é resultado de sua aparição no filme de Bond, Die Another Day.